Dicas para blogueiros

Como abordar as empresas para fazer parcerias

Uma dúvida muito comum entre blogueiros e youtubers, especialmente os novatos na área, é como abordar as empresas para fazer parcerias. Por algum motivo – que nunca vou entender – quem já está no mercado e tem mais experiência, não ajuda de jeito nenhum quem está começando, o que acaba tornando esse assunto meio que um tabu, além de desvalorizar o mercado, pois é muito melhor padronizar e ter uma concorrência justa, do que perder trabalhos por propostas muito destoantes, concordam?  Eu e algumas amigas aqui de Goiânia sempre compartilhamos experiências entre nós e nos ajudamos em relação a valores, propostas e abordagens. E como sei que muitos não tem pessoas dispostas a ajudar, vim ser essa pessoa pra vocês, hehe. Então, se preparem, que nas próximas semanas teremos um montão de dicas!

como-abordar-as-empresas-para-fazer-parcerias

Ver mais Dicas para Blogueiros

Pra quem não sabe, além de blogueira/youtuber, trabalho com Marketing Digital e, por isso, também faço a contratação de blogueiros/youtubers para ações com meus clientes (saibam mais sobre minha profissão aqui), o que me torna perita em erros e acertos na hora da abordagem, hehe. Preparei algumas perguntas com base em temas que sempre recebo questionamentos. Espero que gostem! ♥

1. Qual é a melhor forma de abordar uma empresa?

Sempre por e-mail. É mais formal, passa seriedade e profissionalismo, além de ser a melhor forma de apresentar as informações e anexar o mídia kit. Entrem no site da empresa e pesquisem o e-mail de contato. Caso não encontrem, podem pedir pelo Facebook/Instagram, mas nada de abordar por lá, hein? Rede social não é para isso! Enviem uma mensagem privada pedindo o e-mail do Marketing e só. Nada de “faz parceria” porque isso queima (e muito!) a imagem de qualquer profissional.

2. O que não devemos fazer?

Uma coisa que acontece diariamente e em uma quantidade imensa é receber comentários e directs de blogueiros/youtubers nas redes sociais dos clientes que administro com “faz parceria” ou propostas indecentes, como 30 posts em troca de 1 produto. Gente, sério, não façam isso. Empresas boa de verdade não se importam só com quantidade de likes ou seguidores. O Marketing precisa entender seu público, saber mais sobre o seu trabalho e ver se é adequado aos objetivos da empresa. Não pareçam desesperados. Boas parcerias não surgem de mil directs enviados para empresas aleatórias. Elas vem de um interesse sincero por uma marca que você realmente gosta e consome, e não de qualquer uma que esteja disposta a te dar algum mimo. Isso é passageiro e não vale a pena (lembrem-se que presentes não pagam as contas).

3. Tem algum formato ideal de contato?

Na minha opinião, o melhor é mandar um e-mail bem resumido com os seguintes tópicos: 1. Apresentação do profissional e do blog/canal; 2. Motivo de procurar aquela empresa em específico; 3. Proposta de parceria (não com preços diretamente, mas chamando a empresa para uma conversa); 4. Mídia kit em anexo com print do Analytics mostrando os números do último mês (isso é E-S-S-E-N-C-I-A-L!).

4. Qual é o segredo para conseguir parcerias?

Fazer um bom trabalho. Não adianta ter milhões de seguidores/likes/comentários se as fotos são ruins, o texto tem erros gramaticais, o blogueiro/youtuber não tem compromisso com seus contratos. Falo muito para minhas blogueiras que quando a gente se dedica, o resultado vem, muitas vezes sem nem precisarmos ir atrás. Eu mesma, como profissional de Marketing, sempre fico de olho nos blogueiros/youtubers aqui do Estado. Tenho uma listinha com nome, foto, blog/canal/instagram de TODOS e olho a cada ação que temos para ver quem está se desenvolvendo, quem postou algo sobre os produtos dos clientes… Relacionamento não é só postar quando a empresa paga, é realmente ser consumidor, é ter  um vínculo com a marca.

5. Como saber se meu blog/canal está pronto?

A primeira coisa é não fazer esperando algo em troca. É se dedicar aos seus leitores e seguidores e dar dicas de verdade para eles. Eu valorizo muito isso! Mas, obviamente, o profissionalismo é o básico: layout moderno, conteúdo bacana, escrita/fala impecável, vídeos/fotos bem feitos, frequência de postagens/vídeos. Sério, likes e seguidores não são tudo na vida (até porque muita gente compra ou faz tramoias), mas engajamento de verdade é.

6. Devo cobrar por toda parceria que fizer?

Honestamente, não gosto de ver esse trabalho como mercadoria. É claro que dinheiro é importante e é justo receber por toda a dedicação que você terá com o conteúdo produzido, mas essa não é a essência de um blog/canal. Eu mesma, como blogueira, dou dicas de produtos que eu mesma compro e realmente gosto, e nunca falo de produtos que eu não tenha curtido, ou que enganem as pessoas, mesmo tendo ganhado. Fecho contratos e recebo dinheiro de muitas empresas para falar de seus produtos e ações, mas também falo quando um produto é legal, mesmo sem nada em troca. Tenho algumas parcerias por permuta (especialmente de pequenas empresas e mulheres empreendedoras, pois valorizo muito isso) e não acho isso errado, como também não acho errado receber para falar de algo que eu goste. É pesar na balança, sabe? Só não pode virar a cabeça por dinheiro e esquecer que antes de tudo, o mais importante é ser honesto. Quando somos verdadeiros, nosso trabalho frutifica naturalmente.

Espero que essas dicas tenham ajudado vocês na hora de abordar as empresas para fazer parcerias. Se tiverem mais dúvidas, podem deixar aí nos comentários, que vou gravar um vídeo completinho e bem detalhado sobre o tema. Então, já vão se inscrevendo no canal pra não perder nada, hein! Beijos, Ka. ♥

Youtube – Facebook – Snapchat VSKAREN – InstagramPinterest
Previous Post Next Post

Você também pode gostar:

9 Comments

  • Reply Karen Queiroz

    Amei o post!!! Parabéns!!!

    03/01 at 13:55
  • Reply Jaynara Archanjo

    Sério, até agora foi o melhor post sobre parceria que já li. Suas dicas são ótimas e vou tentar segui-las direitinho!!! Adorei de verdade! Beijão.
    http://www.boas-depapo.blogspot.com

    08/12 at 20:27
  • Reply Jheniffer

    Oi adoreeeeei esta dica, só fiquei em duvida um pouco em como escrever um texto mesmo que você tenha colocado no post as etapas para escrever um Bom texto.
    Eu ainda não consegui me organizar em relação ao blog/canal porque trabalho fora e acabei deixando de lado excluindo posts, privando videos. Mais espero que um dia posso voltar com tudo.. E você disse algo certo honestidade é tudo. Espero que as empresas reconheçam meus esforços, até porque ficar pendido parceria não é tão legal e muito menos mandar varias mensagens como você disse. Eu adoro as suas dicas e quando vi no Snapchat este post assim que tive um tempo vim correndo. Achei muito legal o curso que você deu de dicas para blogueiros se eu tivesse conhecimento de você nesta época com certeza participaria. Tenho uns cinco para seis anos neste mundo de blog/canal de idas e vindas e não sabia da existências de blogueiras aqui em Goiânia e quando te encontrei fiquei muito feliz em ver que é possível sim correr atras daquilo que você gosta e ser reconhecida. Cheguei ate te pergunta no snapchat sobre como você conseguiu parcerias, e logo em seguida este post maravilhoso. Parabéns por não pensar igual a muitos que não gostam de abordar o assunto. Te desejo muitos sucessos. Um beijo 🙂

    05/12 at 1:07
  • Reply Paty Pimentinha

    Adorei as dicas mas achei que a 5 ainda não foi respondida. Eu realmente não sei se meu blog está pronto pra algo, pra que, pra que tamanho de proposta, se é que caberia pra alguma. Eu fico totalmente perdida. Se algum dia vc puder fazer um post explanando mais sobre dicas para os pequenos, de repente apresentar alguns “cases” anonimamente que seja sobre redes pequenas que mostraram-se com potencial interessante pra determinados trabalhos .. enfim .. só uma sugestão, acho que seria bacana. Mas de restante, amei o post, ótimas dicas. Acho que o pior como vc disse é as pessoas não se ajudarem … na minha área profissional eu sei bem qnto cobrar, pq sei exatamente qnto cobram meus colegas e nenhum de nós trabalha por menos, com pequenas exceções bem justificadas. Faz falta isso nessa área da blogagem. Bjs

    04/12 at 2:49
  • Reply Ana Rodrigues

    Amei o post. Está super completo.
    Sim, também concordo que os números não são tudo.
    Para mim o importante é fazer o que gosto, cumprir com os meus objetivos e receber o feedback dos meus seguidores.
    Mega beijinho e muito sucesso.
    http://blogsimplethingsofmylife.blogspot.pt

    03/12 at 19:14
  • Reply NATIELY CRISTINA

    Ka você, é simplemete sensacional, mesmoooo, o melhor de todos os posts, que eu já vi sobre esse assunto, mas como você mesma disse, já é perita, pois trabalha nesse meio…. Um beijo e um grande abraço, adoro seus posts e sempre que tenho tempo, venho aqui dar uma curiadinhaaaa…

    03/12 at 17:01
  • Reply Karol Carvalho

    Que pessoa maravilhosa você compartilhando essas dicas da sua área! Texto muito bom e orientativo. ♥

    03/12 at 13:44
  • Reply Shara Carrijo

    Adorei as dicas linda!!

    03/12 at 13:34
  • Reply Samara lopes

    Oi lindonaa. Amei o post haha amei as dicas, com certeza vai me ajudar…mas ainda queria saber se tem algum mínimo de seguidores q vc acha interessante ter para ir atras de alguma parceria. Pq precisamos ter o midia kit e mostrar os números e tal como vc disse, então vc acha importante ter um número x p começar? Obrigada linda

    03/12 at 13:31
  • Leave a Reply